Por que é importante ter um posicionamento digital?

Afinal, qual é a importância do posicionamento digital para sua marca e como você pode começar construí-lo a partir de hoje?

“Quem não é visto, não é lembrado”. No meio digital, esse famoso ditado parece ter ganhado grande importância nos últimos tempos, graças ao avanço das mídias digitais e a facilidade de comunicação entre marcas e consumidores.

Aliás, mesmo antes das mídias sociais, as organizações necessitavam, ao criar determinada campanha ou lançamento do próprio negócio, de um posicionamento ou, pelo menos, definir como elas gostariam de se apresentar para consumidores e stakeholders.

O que era uma frase ou uma ideia simples ganhou peso e estudos, cresceu e transformou-se em algo muito mais efetivo e complexo que coloca em contato marca e consumidores. Selecionamos seis tópicos para guiar você e sua empresa na construção do posicionamento digital.

 

Tudo começa pelo seu público

Seja sincero: você sabe dizer quem realmente é o seu público-alvo? A tendência das empresas ao iniciar um trabalho nas redes sociais é tentar alcançar vários grupos com níveis diferentes de comportamento de compra, mas acabam não obtendo sucesso no processo de vendas ou na comunicação por não ter definido quem de fato irá comprar.

Um bom início para a organização do posicionamento digital é definição da sua Persona. A Persona é um avatar fictício que descreve informações sobre seu cliente potencial: o que consome, o que gosta, o que não gosta e o principal: os ganhos que ele tem ao adquirir o seu produto e as perdas que tem ao não ter seu produto disponível no mercado.

Para entender melhor seu público, você pode desenvolver uma pesquisa simples por formulário na Internet ou até mesmo entrevistar seus clientes atuais. Ao coletar informações suficientes sobre seu público, analise as respostas e construa a persona do seu negócio

 

Pessoas gostam de ser atendidas e entendidas

Não é segredo para ninguém o quão importante é o bom relacionamento das marcas com os seguidores delas. Conforme pesquisa da Opinion Box, 79% dos brasileiros entrevistados já deixaram de comprar uma marca por mal atendimento – seja na loja física, site, telefone ou mídias sociais.

Assim, fica evidente que uma boa experiência de marca é a abertura para uma relação com clientes apaixonados pelo negócio e recomendação para novos clientes. Claro, existem exemplos de marcas que usam essa construção na prática com maestria: Nubank, Ponto Frio, Netflix e por aí vai. Marcas que estimulam seus clientes a serem brand lovers.

Por isso, invista na comunicação igualitária ao tirar dúvidas ou resolver determinada questão com seu cliente. Ao mostrar que sua marca se importa com ele, você está criando um relacionamento sólido e, o melhor, pode transformar seu cliente em embaixador da marca.

 

Onde seu público está?

Uma das grandes dúvidas das empresas ao ingressarem no marketing digital é entender os melhores canais de comunicação com seu público. Por não ter informações qualificadas, acabam indo para canais que não têm potencial de resultados, tornando a experiência frustrada.

Ao criar sua persona você já consegue definir algumas informações importantes sobre as mídias que seu cliente consome. Planeje quais os potenciais canais que podem auxiliar seus resultados e estruture o tipo de comunicação que sua marca irá desenvolver dentro da mídia social.

Importante: quantidade não é sinônimo de qualidade. Invista tempo em desenvolver seu posicionamento a partir do conteúdo do seu negócio e busque entender o que seu cliente procura e o que ele está interessado em consumir.

Por mais que ele possa estar em inúmeras redes sociais, insira sua marca nas mídias que podem de fato gerar engajamento e possivelmente vendas. Importante: não deixe de lado a oportunidade de testar novas possibilidades.

 

Veja também: Top 10 dicas sobre como usar as redes sociais a favor da sua marca.

 

Qual é o seu objetivo?

Inicialmente nós falamos do seu público, como atendê-lo e sobre as mídias sociais. Agora precisamos falar também sobre o seu objetivo. Ele, sem dúvidas, deve estar alinhado com o seu posicionamento digital.

Fica até sem sentido pensar em um posicionamento sem entender o que sua marca quer alcançar no final. Aqui vale entender que vender não é o único objetivo do seu posicionamento. Cada vez mais, empresas tornam-se referências no mercado por saber muito bem o que fazem com excelência.

Vamos falar de alguns objetivos que podem estar atrelados ao seu posicionamento digital. Gerar autoridade Tornar-se referência, como explicado anteriormente, é ótima forma de ganhar notoriedade no mercado e conquistar novos clientes.

No entanto, atenção: o processo de gerar autoridade dentro do mercado é construído a partir de boas estratégias, bons conteúdos e, principalmente, boas relações com seus clientes. Invista nesses pontos que você construirá uma marca sólida.

 

Converter seus visitantes em clientes

O importante ao entender esse tipo de objetivo é que o seu cliente está em algum momento da Jornada de Compra. Esse termo refere-se ao processo que o consumidor passa durante o contato com sua marca: reconhecimento do problema, busca por solução, a decisão de compra e o relacionamento após a compra.

Em cada fase, sua marca deverá fornecer conteúdo e dicas úteis que auxiliem seu cliente a reconhecer o problema e até mesmo fechar a venda. Invista na qualidade da informação e otimize seu conteúdo regularmente para que seu objetivo seja cumprido.

Reter clientes Com certeza manter um cliente é uma das tarefas mais valorosas de qualquer negócio. Phillip Kotler, autor do livro Administração em Marketing, afirmava que atrair um cliente é cinco vezes mais difícil que manter um cliente.

Não é por menos: ao manter um cliente fiel, sua empresa não está só investindo na qualidade da experiência, mas também está dando um passo para obtenção de novos clientes a partir da recomendação de outros consumidores.

 

Planejamento é só o começo para o posicionamento digital

No momento da construção do planejamento, organize cada etapa para que o posicionamento do seu negócio esteja sempre evidente em sua estratégia de comunicação.

Quando bem definido, um posicionamento digital é chave do sucesso para uma marca, mas – quando mal feito – pode ser uma grande dor de cabeça para o seu negócio. Logo, entenda que esse processo é fundamental para os resultados do seu negócio

 

Mensure os resultados

Por fim, não basta a criação do posicionamento se você não colocar em prática tudo o que desenvolveu durante esse processo. É fato que, ao aplicar todo esse posicionamento digital, você deverá monitorar os resultados a fim de entender o que deu certo e o que pode ser otimizado.

Um dos meios de monitorar suas ações e entender melhor seus resultados é por meio de métricas de performance. KPI (Key Performance Indicator) ou Indicador-Chave de Performance é o meio de medir suas ações no momento após a implementação: se elas estão dando certo ou se há necessidade de alterar alguma etapa.

Procure focar sua mensuração em métricas que fazem sentido para seu negócio e o momento que ele vive. Além disso, documente todo esse processo para deixar como aprendizado para as próximas ações.

 

CONCLUSÃO

O posicionamento digital pode ajudar sua marca a desenvolver novas oportunidades de negócios, ganhar notoriedade e até mesmo relacionar-se melhor com seus clientes e seguidores.

Vale a pena tirar um tempo para desenvolver seu planejamento, desenvolver a identidade do seu negócio para construir vendas mais qualificadas e relacionamentos duradouros com seus clientes. Afinal, sem um posicionamento sua marca é mais uma entre tantas outras no mercado.

Sua empresa está com dificuldade de definir seu posicionamento digital? Aqui na Agência EVERY somos especialistas em desenvolver estratégias para os “mercados difíceis” nas mais diferentes redes sociais. Conheça o que podemos fazer pela sua marca. E você, já implementou o seu posicionamento digital e obteve resultados promissores?

Até a próxima!

Fillipe Pascalicchio

Fillipe Pascalicchio

Fillipe Pascalicchio é fundador da agência EVERY, especializada em comunicação digital para mercados complexos, e das plataformas Boardy e LeadManager. Acumula expertise desde 2007 em comunicação digital e tem o privilégio de ser um dos primeiros profissionais do meio no mercado. Jornalista, tem grande experiência com as áreas de Tecnologia e Desenvolvimento. Se apaixonou por linguagem de programação web na faculdade de jornalismo quando fazia bicos de sites no FrontPage, SEO e mIRC Scripting. Ativou o modo empreendedorismo e desde então vem ajudando marcas a pensar e se posicionar de forma mais estratégica no ambiente digital, trazendo sempre um olhar de inovação para os serviços prestados pela agência.
× Dê um oi no WhatsApp